Cabreira Solutions

 
MATOSINHOS URBAN RACE

Regulamento

Regulamento Particular 2023

EVENTO: MATOSINHOS URBAN RACE
LOCALIZAÇÃO: Centro urbano de Matosinhos.
DATA: 06 de julho de 2024.
HORÁRIO: das 20h às 23 horas.

PERFIL DE PROVA OFICIAL: Prova em circuito fechado, no centro urbano da Matosinhos, com cerca de 5km.
DESCRIÇÃO DA PROVA: Cada participante terá de efetuar o maior número de voltas possível ao circuito, no tempo estabelecido.
CLASSIFICAÇÃO: A classificação será feita mediante o número de voltas ao circuito, controladas por intermédio de chip.
ORGANIZAÇÃO: Cabreira Solutions e Câmara Municipal da Matosinhos.

Artigo 1º – Organização
1. Cabreira Solutions em parceria com o município de Matosinhos, organizam uma concentração de ciclismo na vertente BTT, para a realização de uma prova aberta a todos os participantes maiores de 16 anos e sem limitações físicas, denominada “MATOSINHOS URBAN RACE – 3 Horas de Resistência BTT Noturna – Município de MAtosinhos”, onde a participação tem o valor de 15€ por atleta a solo, 30€ equipas duplas, 40€ equipas triplas. Esta regerá pelo Regulamento Desportivo e Técnico aplicáveis pelo presente e por toda e qualquer outra regulamentação ou interpretação publicada pela organização como adenda ao regulamento e publicada até 15 dias antes da data de início da prova;

Artigo 2º – Percurso
1. O evento terá um só percurso de aproximadamente 5km. Não terá qualquer carácter competitivo (oficial), contudo serão atribuídos tempos e ordem de classificação, com atribuição de prémios para os 3 primeiros classificados de cada categoria;
2. A “MATOSINHOS URBAN RACE – 3 Horas de Resistência BTT Noturna – Município de Matosinhos” desenrolar-se-á num circuito fechado, no perímetro urbano de Matosinhos, percorrendo a zona histórica, praças e jardins emblemáticos.

Artigo 3º – Participantes
1. A prova é livre e aberta a todos os indivíduos, não sendo necessária licença desportiva da Federação Portuguesa de Ciclismo ou outra;
2. Só poderão participar indivíduos com idade igual ou superior a 16 anos (à data da prova).
3. Só poderão participar indivíduos com bicicleta sem motor;
4. As inscrições de menores só são consideradas aceites desde que acompanhadas por um termo de responsabilidade/declaração assinada pelo tutor legal e acompanhada de uma cópia do B.I. ou C.C do tutor legal.
5. A prova “MATOSINHOS URBAN RACE – 3 Horas de Resistência BTT Noturna – Município de Matosinhos” compreenderá a existência de uma classificação geral, sendo premiados os três primeiros atletas de cada categoria.

GERAL SOLOS
• Geral masculina (16 a +65 anos)
• Geral feminina (16 a +65 anos)

CATEGORIAS SOLOS
• Junior Masculino (16 a 18 anos)
• Elites masculinos (19 a 29 anos)
• Master A masc. (30 a 39 anos)
• Master B masc. (40 a 49 anos)
• Master C masc. (50 a 59 anos)
• Master D masc. (60 a 69 anos)
• Master E masc. (+70 anos)

• Junior Feminino (16 a 18 anos)
• Elite femininos (19 a 29 anos)
• Master A fem. (30 a 39 anos)
• Master B fem. (40 a 49 anos)
• Master C fem. (+50 anos)

• Medalha de Mérito – Incapacidade física comprovada (16 a +70)
* PARA EFEITOS DE DETERMINAÇÃO DE ESCALÃO SERÁ TIDA EM CONTA A IDADE QUE O PARTICIPANTE TERÁ A 31-12-2024.

CATEGORIAS DUPLAS
• Masculinas (16 a + 70 anos)
• Femininas (16 a +70 anos)
• Mistas (16 a +70 anos)

CATEGORIAS TRIPLAS
• Masculinas (16 a +70 anos)
• Femininas (16 a +70 anos)

6. A prova “MATOSINHOS URBAN RACE – 3 Horas de Resistência BTT Noturna – Município de MAtosinhos” atribuirá também os seguintes prémios:
a) Volta mais rápida realizada, a partir da segunda volta (atribuída apenas a atletas a participar a solo);
b) Equipa mais numerosa em atletas a participar na “MATOSINHOS URBAN RACE”.
7. Os participantes obrigam-se a afixar na frente da bicicleta a placa de identificação (frontal), que deve estar sempre visível ao longo da prova;
8. Ao longo do percurso existirão diversos postos de controlo com localização desconhecida por parte dos participantes. Só será atribuído tempo de prova desde que realizem todos os postos de controlo.
9. Para efeitos de classificação final, apenas se considera voltas completas, até às 23:00h. Os atletas que terminem a última volta depois das 23:00h, terão essa volta anulada.
10. No caso de participações em equipas duplas e triplas todos os elementos da equipa terão de completar no mínimo uma volta.

Artigo 4º – Inscrições:

1. O método de inscrição para a prova “MATOSINHOS URBAN RACE – 3 Horas de Resistência BTT Noturna – Município de Matosinhos”, é efetuado em www.cabreirasolutions.com onde pode consultar também toda a informação sobre o evento.
2. Os participantes só serão considerados inscritos após pagamento da inscrição;
3. As inscrições devem ser realizadas, impreterivelmente, até às 23.59 horas do dia 2 de julho, após esta data só serão aceites inscrições depois de aprovadas pela Organização;
4. As alterações de elementos terão que ser solicitadas até 48 horas antes do início da prova.
5. Alterações efetuadas a menos de 48h do início da prova implicam a não classificação dos atletas envolvidos na alteração.
6. O valor de inscrição até 02 de julho de 2023 é de 15€ por atleta inscritos a SOLO, 30€ para inscrições em DUPLA e 40€ para inscrições em TRIPLA. O pagamento é efetuado através de uma referência de multibanco gerada na altura da inscrição.

7. A taxa de inscrição acima referida inclui:
• A participação na “MATOSINHOS URBAN RACE – 3 Horas de Resistência BTT Noturna – Município de Matosinhos”;
• Frontal;
• Reforços líquidos;
• Tempo de percurso (caso tenha passados por todos os postos de controle);
• Primeiros socorros e assistência médica;
• Seguro de acidentes pessoais de acordo com a lei em vigor;
• Acesso aos balneários para banho no final da prova;

8. No ato da inscrição, ao participante que não possua licença federativa, será formalizada a contratação de seguro de acidentes pessoais para os dias do evento, com as seguintes coberturas:
Coberturas capitais por pessoa:
• Morte por Acidente 30.129,00 Euros
• Invalidez Permanente por Acidente 30.129,00 Euros
• Despesas de Tratamento por acidente 4.820,00 Euros
• Despesas de Funeral (Gastos) 2.410,0 Euros
• Franquias p/ pessoa 90,00Euros (suportada pelo atleta segurado no caso de necessidade de ativação do seguro)
8.1. Caso exista alguma ocorrência, o atleta deve obrigatoriamente comunicar à organização no próprio dia, para que seja registado em ata final de prova, e possa ser integrado no seguro de prova (caso tenha subscrito o mesmo).
8.2. O seguro subscrito funciona em regime de contrarreembolso, e todas as faturas deverão ser enviadas à posterior ao mediador de seguro que encaminhará a situação.

9. A inscrição na “MATOSINHOS URBAN RACE – 3 Horas de Resistência BTT Noturna – Município de Matosinhos”, pressupõe a atribuição de um número de participação.

10. O posicionamento nas boxes (gates) de partida será determinado por ordem de pagamento. Para esse efeito serão criadas boxes de 100 atletas. A ordem de posicionamento na partida será de acordo com a seguinte tabela exemplificativa:

SOLOS
Box – A
Box – B
Box – C

DUPLAS
Box – A2
Box – B2
Box – C2

TRIPLAS
Box – A3
Box – B3
Box – C3

Artigo 5º – Programa da prova:
15:00h Abertura do Secretariado;
19h00 Encerramento do Secretariado;
19h00 Abertura da zona de meta;
19:45h Encerramento da zona de meta;
19:45h Briefing no local de partida;
20h00 Partida;
22:50h Fecho de entrada em pista;
23:00h Fim da Prova;
23:30h Cerimónia Protocolar;
24:30h Encerramento dos banhos;

Artigo 6º – Zona de Meta:
1. O Local de partida e chegada será em Matosinhos, junto à Câmara Municipal de Matosinhos.

Artigo 7º – Classificação:
1. A prova tem início às 20h e encerra às 23:00h;
2. A posição de cada participante será determinada pelo maior número de voltas dentro do tempo limite, até às 23h, e com evidências de ter passado em todos os Postos de Controlo;
3. Em caso de paragem da prova ou anulação desta pela organização, devido a razões de força maior que não permitam a sua continuação em condições de segurança mínimas, que representem perigo para os participantes, o Diretor de Prova poderá decidir pelo seu término a uma determinada hora.

Artigo 8º – Comportamento em prova:
1. Os participantes que seguem montados nas bicicletas terão precedência sobre os que levam a bicicleta à mão. Quem não seguir montado na bicicleta deverá deslocar-se junto da berma do caminho e em passagens estreitas desobstruir a via quando se aproximar alguém montado na bicicleta;
2. Os participantes que se preparam para ultrapassar outro, deverão dar indicação vocal da sua passagem, indicando o local por que passam (direita ou esquerda). Quem ultrapassa deverá ter todos os cuidados para não provocar acidentes;
3. Na luta por posições, os participantes não devem interferir corporalmente ou com a bicicleta de modo a impedir a progressão de outro. Em situações de conflito ou falta de desportivismo detetadas por controladores, os participantes em causa serão penalizados com a anulação de uma volta, após audição das partes;
4. A utilização de atalhos ou a saída do circuito num ponto e a entrada noutro ponto distinto, terá como consequência a desclassificação do participante ou da equipa;
5. A utilização de linguagem abusiva, profana ou obscena e qualquer outro tipo de comportamento não desportivo será penalizado com anulação de uma volta;
6. A assistência no percurso só pode ser prestada por outros participantes inscritos;
7. Todo o comportamento antidesportivo e/ou anti ambiental implicará a desclassificação do participante e impossibilitará o mesmo de se inscrever em futuras edições da “MATOSINHOS URBAN RACE – 3 Horas de Resistência BTT Noturna – Município de Matosinhos”;
8. Os atletas que forem vistos fora das marcações serão desclassificados;

Artigo 9º – Equipamento:
1. Cada participante em prova deverá levar capacete, homologado para a prática do ciclismo, colocado corretamente, quer circulem montados quer a pé. Caso seja detetado algum participante no circuito com o capacete mal colocado poderá ser parado pela organização e obrigado a colocar o capacete corretamente;
2. Todos os participantes têm de usar obrigatoriamente equipamento de luz atrás e à frente da bicicleta.
3. Cada participante é responsável pela utilização de roupa e outro equipamento adequado às condições meteorológicas previstas para o local.

Artigo 10º – Prémios:
1. No final da prova terá lugar a realização da cerimónia protocolar no pódio oficial;
2. Os três primeiros classificados de cada categoria deverão estar presentes no pódio para a cerimónia de entrega de prémios e respeitar todas as regras e procedimentos referentes ao mesmo;
3. Os prémios são atribuídos individualmente e intransmissíveis e só serão entregues aos participantes que se apresentem pessoalmente na cerimónia protocolar, sob pena de perderem o direito aos prémios que lhes estiverem destinados, sem que, por
isso, se verifique qualquer alteração, quer na classificação, quer nos prémios destinados aos restantes concorrentes;
4. Na cerimónia protocolar serão entregues os prémios, devendo ser respeitada a ordem de entrega dos mesmos.

Artigo 11º – Alterações ao regulamento:
1. O presente regulamento não será modificado na sua generalidade. Compete exclusivamente à Comissão Organizadora aprovar alguma correção que considere oportuna, que será divulgada no site do evento e no secretariado;
2. Qualquer retificação será comunicada, com data de aplicação dessas alterações, a todos os inscritos na prova.

Artigo 12º – Interpretação e jurisdição:
1. Todos os participantes da prova “MATOSINHOS URBAN RACE – 3 Horas de Resistência BTT Noturna – Município de Matosinhos” ao se inscreverem, aderem, e aceitam sem restrições, o presente Regulamento;
2. A “MATOSINHOS URBAN RACE – 3 Horas de Resistência BTT Noturna – Município de Matosinhos” desenrolar-se-á num circuito fechado, balizado com grades e fita balizadora, no perímetro urbano da cidade de Matosinhos, pelo que todos os participantes têm obrigatoriamente de respeitar as regras de trânsito.
3. Todos os Anexos e Aditamentos ao presente Regulamento, que a organização entender publicar, terão força de lei, do mesmo modo que o Regulamento;
4. À organização não poderá ser imputada qualquer responsabilidade no que respeita a acidentes e suas consequências, quer tenham sido causados pelos participantes, quer tenham sido estes as vítimas, quer provenham ou não do veículo do participante. Do mesmo modo não lhe será imputada qualquer responsabilidade, quanto às consequências de infração às leis, regulamentos e códigos em vigor, a qual deverá ser suportada pelos infratores;
5. A organização não é responsável pelo estado de saúde dos participantes e alerta para o facto de se tratar de uma manifestação desportiva que requer cuidados específicos de preparação física e psicológica pelo que manifesta esta preocupação a todos os inscritos;
6. Todas as dúvidas sobre a interpretação do Regulamento e demais casos relacionados com a prova serão analisadas e decididas pela Organização;
7. A organização do evento reserva-se o direito de aplicar sanções que poderão ir até à desclassificação ou exclusão da prova, a qualquer participante que não respeite à letra e o espírito do presente Regulamento, ou que, por qualquer forma, prejudique o bom nome, imagem e prestígio da mesma ou de qualquer dos seus promotores.
Nenhuma responsabilidade poderá ser imputada aos organizadores por eventuais prejuízos que de uma decisão deste tipo possam advir.

Artigo 13º – Publicidade e imagem:
1. Os participantes são livres de captar imagens fotográficas e vídeo do evento;
2. A organização da prova “MATOSINHOS URBAN RACE – 3 Horas de Resistência BTT Noturna – Município de Matosinhos”, respetivos patrocinadores e as entidades que colaboram neste evento desportivo, reservam-se o direito de utilizar livremente em todos os países e sob todos as formas, a participação e resultados obtidos pelos intervenientes. A prova poderá ser gravada em vídeo e/ou fotografada pela organização do evento e jornalistas para posterior aproveitamento publicitário. Os participantes que tiverem alguma restrição quanto ao uso da sua imagem, deverão notificar a organização, caso contrário, estarão automaticamente a autorizar o uso em qualquer tempo.
3. A inscrição no evento e a consequente aceitação deste regulamento implica obrigatoriamente a autorização de cedência de todos os direitos, sem direito a receberem qualquer compensação económica por parte da organização ou por parte de qualquer parceiro/marca associada ao evento.
4. Este é um evento privado, pelo que, qualquer pessoa não inscrita no evento, mas que voluntariamente aceda e permaneça ao evento concede as mesmas autorizações referidas na alínea anterior. Cede também todos os direitos de imagem relativos à exploração comercial e publicitária desses registos, sem direito a receber nenhuma compensação económica por parte da organização ou por parte de qualquer parceiro/marca associada ao evento.

Artigo 14º – Recursos:
1. Só serão aceites recursos escritos, entregues no secretariado oficial, durante o decorrer da prova ou até 30 minutos após a conclusão da prova do interessado;
2. Recursos sobre as classificações serão apresentados até 30 minutos após a sua divulgação;
3. Só serão julgados os recursos por escrito e acompanhados de um depósito no valor de 25,00 € (vinte e cinco euros). Se for julgado procedente, o depósito será devolvido;
4. Os recursos devem conter informação precisa que suporte o mesmo, incluindo a descrição do incidente, testemunhas, nomes, contactos e assinatura do responsável pela apresentação do recurso;
5. A Organização dará o seu parecer sobre o recurso.

Artigo 15º – Cancelamento de prova
1. A organização reserva-se o direito de efetuar as modificações que considere oportunas, no percurso ou outras, sempre e quando estas se justificarem.
2. Se as condições climatéricas, ambientais ou de segurança se verifiquem extremas (ex.: incêndio florestal, tempestades, derrocadas, quedas de árvores, ciclones, conflito armado, epidemias, pandemias, etc.) a prova é cancelada ou adiada/reagendada por decisão da organização.
3. Igualmente o evento pode ser suspenso ou anulado por decisão de entidades oficiais tais como, Proteção Civil, Guarda Nacional Republicana, Polícia de Segurança Pública, Ministério da Administração Interna, Ministério da Saúde, etc. com base nas situações referidas no ponto anterior ou outras.
4. Em qualquer das situações descritas não haverá, em caso algum, direito a reembolso parcial ou total.

Artigo 16º – RGPD

22.1. A organização respeita integralmente a lei de proteção de dados, atualmente em vigor. Os atletas assumem o conhecimento e autorizam a introdução e o tratamento dos seus dados pessoais nos ficheiros da organização da prova, para a sua utilização no desenvolvimento, gestão administrativa e comercial e outras atividades. Os atletas autorizam também que os seus dados sejam transmitidos a empresas terceiras, sempre que justificado para a organização e bom funcionamento do evento (são exemplos: empresa de cronometragem, seguradora, Federação Portuguesa de Ciclismo…).

22.2. Os atletas devem indicar o nome que pretendem ver inscrito no dorsal, listas de inscritos e classificação final que serão publicadas no site do evento.

22.3. Todo participante que preencher o formulário de inscrição deve estar consciente que afirma o conhecimento e a conformidade com os artigos que compõem o regulamento específico desta prova.

Artigo 17º – Outros

1. O participante assume que os dados que preencheu no ato de inscrição estão corretos e são verdadeiros e que o endereço de email fornecido será o meio preferencial para todos os comunicados oficiais e envio de informações importantes referentes ao evento, considerando-se
informado por esse meio.

2. O Maia Urban Race, é um evento de cicloturismo em bicicleta de montanha. O evento decorre em zona urbana da região.

3. A organização não se responsabiliza por qualquer extravio ou avaria que possam afetar as bicicletas ou outros equipamentos dos participantes. O participante iliba a organização da responsabilidade por qualquer perca ou deterioração de objetos pessoais, em qualquer circunstância.

4. Ao efetuar e validar a inscrição no MATOSINHOS URBAN RACE, os participantes assumem o conhecimento e a aceitação sem reservas deste regulamento, renunciando a qualquer procedimento legal contra a organização, derivada da sua participação na prova.

5. A organização constituirá um Júri de Prova, composto por três elementos da organização que decidirá sobre as sanções a aplicar e a todos os assuntos relacionados com a prova que não foram objeto de regulamentação ou sobre más interpretações do presente regulamento.

6. Caso um atleta inscrito não participe na prova, nem seja feito o levantamento da sua documentação e eventuais brindes no secretariado, não será efetuado qualquer envio deste material que apenas poderá ser levantado no local nas datas do evento.

7. Este regulamento pode estar sujeito a alterações.